Esta página web usa cookies para que possas desfrutar de uma ótima experiência de usuário e para que possamos entender como usas a web. Se consentes o uso de cookies para esta página web, continua a navegar com normalidade. Podes encontrar mais informação sobre as cookies que usamos e configurar o seu uso visitando a nossa página de configuração de cookies.

Blog

Nutrição desportiva: alimentos proíbidos em pré competição

hidratos

Quando temos de enfrentar uma competição desportiva existem dois fatores que temos de combinar acertadamente se queremos ter êxito na mesma. Estes dois fatores são o treino e a alimentação. O treino, nem é preciso dizer muito, é a atividade sobre a qual gira qualquer atividade física e desportiva. Sem um treino específico da disciplina desportiva que pratiquemos, não poderemos adquirir o nível suficiente para competir ao mais alto nível.

O segundo dos fatores é o da alimentação. A nutrição desportiva encarrega-se de nos educar para ajustar a nossa dieta pré competição e saber que alimentos comer, ou não, antes, durante e depois de cada prova e ensina-nos quais são os melhores alimentos para desportistas

A importância dos nutrientes

É muito importante que o nosso organismo tenha os nutrientes necessários antes de uma competição desportiva, a energia procedente dos alimentos deve ser suficiente para cobrir o enorme gasto de calorias que o atleta vai sofrer, seja qual for a especialidade desportiva. A intensa atividade física requer um aumento de nutrientes no organismo do desportista que deve ter uma alimentação equilibrada e com grande variedade de alimentos. 

Quando se faz exercício físico, o organismo vai necessitar dos seguintes nutrientes: 

  • Hidratos de carbono: são a gasolina que faz com que os músculos se mexam. Há um estudo que diz que da energia total que um atleta gasta numa competição, mais de 65 por cento provém dos hidratos de carbono.
  • Gorduras: não devem aportar nunca mais de 30% da energia que o desportista vai necessitar. É muito importante não ultrapassar estas porcentagens porque senão o desequilíbrio pode afetar o rendimento desportivo e inclusive a saúde do desportista.  
  • Proteínas: são as substâncias que formam a base da nossa estrutura orgânica. 
  • Vitaminas e minerais: são os encarregues de controlar e regular o nosso metabolismo.

Conselhos a seguir para a refeição  

A refeição antes da competição deve ser feita 3/4 horas antes da mesma para que nos dê tempo de fazer a digestão (não deves acreditar naquela crença que têm alguns atletas que dizem que devemos ir em jejum para a corrida, sem tomar o pequeno almoço nem almoçar. Desta forma, o que pode acontecer é sofrermos uma descida de açúcar durante a realização do esforço físico). Na hora prévia ao começo é recomendável que qualquer alimento que comamos seja em forma líquida. Na refeição prévia deve ser:

  • Rica em hidratos de carbono, se possível, com baixo conteúdo glicémico (por exemplo, arroz integral, maçãs, todo o tipo de leguminosas, pasta, cenouras, etc)
  • Pobre em gorduras, proteínas e fibra: devemos esquecer as carnes magras, o óleo e não abusar das carnes mais leves como o frango e o peru. Se comermos estas carnes, deve ser em pouca quantidade. Além disso, se comemos arroz integral, devemos colocar de parte todo o resto de alimentos que nos aportem mais fibra já que nos pode causar transtornos intestinais durante a competição, assim que devemos dizer adeus aos cereais integrais ou à pasta do mesmo tipo. 
  • Nunca experimentar pratos ou alimentos novos que nunca tenhamos experimentado. As horas prévias a uma corrida são o momento menos idóneo para experimentar novos alimentos e sabores. Deixa isso para outro dia. 
  • As refeições devem estar pouco condimentadas: o excesso dessas e outros condimentos podem provocar-nos sede (sensação muito incómoda quando se está em pleno esforço desportivo) e também tornar pesada a digestão, má companheira se queremos render.
  • Acompanhar a refeição com água, mas sem beber em grandes quantidades. Não beber muito depressa ao princípio ou ao final da refeição. Deve beber-se pouco a pouco durante o tempo que dure o almoço. Não é recomendável beber mais de 400 mililitros.

Estes alimentos, melhor não 

Tal como existem elementos que se consideram imprescindíveis na dieta pré competição dos atletas, há outros que são os piores inimigos do desportista antes deste se enfrentar a um desafio desportivo:

  • Verduras: A pesar se serem alimentos saudáveis e benéficos para o organismo humano, não é muito recomendável comer verduras antes de uma corrida, pois podem provocar gases e sérias moléstias gastrointestinais que nos podem fazer abandonar a competição: alface, repolho, couve flor e couves de Bruxelas são as mais flatulentas. Além disso, o tomate pode causar acidez e o pepino refluxos gástricos. 
  • Fritos e panados. Aportam muita gordura da "má". Não são nada recomendáveis numa alimentação normal, e estão totalmente proíbidos para qualquer desportista. 
  • Bebidas com gás e álcool: sobre o álcool nem é preciso comentar nada. Das bebidas gasosas podemos dizer que podem provocar gases, transtornos intestinais e aportam grandes quantidades de açúcar ao organismo. Devemos limitar-nós à água ou às infusões frias (camomila, tília, menta, etc)
  • Algumas frutas: devemos evitar as frutas com alto índice glicémico (as que se absorvem muito rapidamente pelo organismo), como a melancia, o melão, o kiwi, os pêssegos e os alperces. 
  • Lácteos, sobretudo os queijos muito curados pelos seu excesso de gordura e de sal e que nos podem dar um desgosto na competição: manchego, azul, gruyere, cabrales, etc… é melhor deixarmos para quando não tenhamos de fazer desporto.

Conclusão 

Se queremos enfrentar com algumas garantias de êxito a nossa corrida, devemos nutrir-nos de forma adequada para que o nosso corpo responda de forma satisfatória quando lhe pedimos um esforço adicional e estender a todas as outras atividades os benefícios de uma alimentação saudável, equilibrada e que nos vai produzir um bem estar, ao mesmo tempo que nos evitará problemas de saúde no presente e também no futuro.

Virgin Active
#AlwaysDiscovering

Comentários (1)

joao mau

Enviado el

este saite e uma merda Responder