Esta página web usa cookies para que possas desfrutar de uma ótima experiência de usuário e para que possamos entender como usas a web. Se consentes o uso de cookies para esta página web, continua a navegar com normalidade. Podes encontrar mais informação sobre as cookies que usamos e configurar o seu uso visitando a nossa página de configuração de cookies.

Blog

Indumentária desportiva: mergulho

mergulho

Desejas aceder a um mundo novo e maravilhoso? Gostas da natureza e da sensação de paz e tranquilidade? Fascinam-te os novos desafios e aventuras? Se assim é, uma das práticas desportivas mais interessantes que podes levar a cabo é o mergulho. Com ele descobrirás um universo que está ao alcance da tua mão mas que não costumamos ver nem apreciar muitas vezes. 

Não te lances como um louco

O mundo marinho é um caudal continuo de surpresas e maravilhas que só poderás apreciar se te submerges nele. Mas atenção, não podes nem deves fazê-lo de qualquer maneira, convém que recebas, pelo menos, uma instrução mínima e que conheças qual é o equipamento de mergulho adequado para não teres nenhum tipo de problema e desfrutar com total segurança. 

Material para fazer mergulho. Os imprescindíveis 

Antes de entrares nas profundezas marinhas, deves conhecer e familiarizar-te com o material básico para praticar mergulho. Dentro da roupa desportiva, os fatos de mergulho são um dos elementos mais completos e sofisticados, o que por vezes também redunda no seu preço. Mas não te assustes, há equipamentos para principiantes, em segunda mão… O primeiro que deves saber é a distinção entre equipamento leve ou básico (fato, barbatanas e óculos) e o autónomo (bomba de ar, máscara mais completa, relógios, facas, …), que será aquele que te permita uma imersão mais profunda e prolongada. 

Equipamento leve. O essencial para sumergir-se

Nos batismos aquáticos é possível que os monitores primeiro te familiarizem com elementos essenciais como as barbatanas, com as quais ganharás uma grande velocidade debaixo de água, ou os óculos com ou sem tubo, com os quais te acostumarás a respirar não usando o nariz, como fazemos normalmente, mas sim, usando a boca. Isso pode ser que te pareça estranho, mas terás de te acostumar se queres entrar no mundo do mergulho. 

Elementos que te fazem falta

1. Fato de mergulho. Como já deves ter imaginado, o fato de mergulho, além de te dar maior mobilidade e aerodinâmica na água, tem a função de evitar que sofras uma hipotermia que poderia levar-te, inclusive, à morte, dependendo de onde estejas a mergulhar. Existem três tipos fundamentais: os húmidos, os semi secos e os secos. 

a. Fatos húmidos: são fabricados em neoprene, mas não se distinguem demasiado dos utilizados noutros desportos como o rafting. Isolar-te-ão do frio e da humidade, mas não totalmente, razão pela qual seriam recomendáveis para temperaturas temperadas e para profundidades limitadas. Podem ser de duas peças ou curtos. 

b. Fatos semi secos. También são compostos de neoprene, mas incorporam mais elementos para assegurar a sua estanquicidade tanto nos punhos como nos tornozelos. São um pouco mais resistentes e recomendados para temperaturas algo menores e profundidades maiores. 

c. Fatos secos. São os mais completos e profissionais, mas também os mais caros. São confeccionamos com materiais mais eficientes que permitem que o teu corpo não esteja em contacto com a água, com os quais podes manter melhor a temperatura corporal e evitar hipotermias. Também os podes usar por cima de outro tipo de roupa térmica. 

2. Os óculos ou máscaras. A função dos óculos é, em primeiro lugar, possas ver sem problemas debaixo de água, algo essencial em mergulho. Protegem os teus olhos e o teu nariz de todo o tipo de partículas. Deves experimentá-los antes para quente assegures que te encaixam perfeitamente e que são totalmente estanques. Podem incorporar um tubo para respirar ou snorkel graças ao qual poderás mergulhar à altura da superfície e ir respirando com ele. Este será um exercício muito recomendável antes de te submergires completamente, porque com ele, além de ires fazendo uma ideia de tudo o que encontrarás debaixo de água, irás aprendendo a respirar apenas pela boca. 

3. Barbatanas. Este é o outro elemento do equipamento básico. Quando as coloques nos pés parecerás um pinguim em terra mas, com elas, conseguirás uma grande velocidade debaixo de água. Existem vários desenhos, tamanhos e materiais, assim como diversos tipos de ajustes, razão pela qual terás de eleger as que gostes mais ou que melhor se adaptem ao teu estilo de mergulhar. 

Equipamento autónomo. Lança-te às profundezas

Até agora vimos o equipamento básico para mergulhar, o que te permitirá um primeiro contacto com o mundo do mergulho. Mas, o que seria dos mergulhadores sem a bomba de ar, os escafandros, uma boa faca ou umas boas botas?

  • Garrafas de ar comprimido. As garrafas de ar são as grandes estrelas deste desporto. Evolucionaram desde aquelas pesadas e grandes do antigamente até às mais leves e cómodas da atualidade. Estão cheias de ar comprimido, ou também de ar enriquecido ou nitrox e, mediante uma válvula, permitir-te-ão respirar debaixo de água e desfrutar ao máximo de todos os tesouros submarinos, desde peixes coloridos a barcos naufragados, passando por uma rica flora natural. Podes encontrá-la com capacidades desde os 5 aos 18 litros e com um suporte de bares de 230 a 300. Todas elas devem passar por revisões periódicas e devem estar devidamente marcadas e etiquetadas, assim como serem conservadas em lugares protegidos onde não sofram os efeitos de temperaturas elevadas. 
  • Colete hidrostático. Este tipo de coletes segura, com um arnês, a garrafa às tuas costas. Incorpora uma câmara de ar que te dará flutuabilidade e com ele sentir-te-ás um autêntico mergulhador. Pode insuflar-se ou desinsuflar-se conforme o teu desejo ou necessidades.
  • Acessórios. Às vezes são tão importantes como os elementos básicos. Em muitos sítios obrigam-te a mergulhar com uma faca, pois com ela podes cortar  perigosos cabos à deriva, algas ou outros elementos que podes encontrar. Também é interessante contar com um relógio de mergulho, uma lanterna, uma buzina para avisar a outro mergulhador ou, inclusive, uma boia insuflável. Sem esquecer das botas de mergulho que te protegerão os pés do frio e do roçe com as barbatanas ou outros elementos. 

Recorda, o mergulho é uma grande atividade, mas deves praticá-lo com conhecimento, com o equipamento adequado e seguindo todas as medidas de segurança porque estarás num meio que não é habitual para ti e onde podem surgir muitas surpresas.

Virgin Active
#AlwaysDiscovering

Comentários ()