Esta página web usa cookies para que possas desfrutar de uma ótima experiência de usuário e para que possamos entender como usas a web. Se consentes o uso de cookies para esta página web, continua a navegar com normalidade. Podes encontrar mais informação sobre as cookies que usamos e configurar o seu uso visitando a nossa página de configuração de cookies.

Blog

Gadgets desportivos imprescindíveis para praticar natação

natacao

Todos sabemos que a natação é um dos melhores exercícios que podemos praticar para mantermos a forma (ou até para ir um pouco mais além). A natação é um exercício aeróbico excelente que conta com várias vantagens sobre, por exemplo, correr. Assim, a natação é um desporto com um impacto menor (já que se prática dentro de água), razão pela qual a nível muscular e articular é muito menos lesiva que outros desportos de carácter a aeróbico. 

Além disso, na natação a técnica é fundamental, de tal forma que se a possuis poderás desfrutar a fundo do exercício inclusive quando tenhas pouco treino físico. É um exercício muito completo, que trabalha uma grande quantidade de músculos (seguramente o mais completo neste sentido) e que só por si é um treino completo. 

E, por último, é uma arividade que costuma requerer menos tempo que outras, como por exemplo o ciclismo, para ser realmente frutífera… numa hora de natação já terás feito um treino excelente, enquanto que uma hora em cima da bicicleta será muito menos chamativo a nível muscular e cardiovascular. 

Mas a natação tem um grande problema que afasta muitas pessoas (sem contar com o mais evidente, a necessidade de ter uma piscina por perto ou um ginásio que albergue uma), que é o feito de para muitos ser um desporto aborrecido. 

Assim que nadar, acaba por se converter numa luta contra simporoprio na qual nos limitamos a seguir uma linha azul durante muitos minutos, concentrados apenas no esforço. O que é algo apreciável mas, que nem sempre convence. 

Importância dos gadgets

Daí a importância que têm nos últimos anos os gadgets para nadar. Falamos de aparatos criados para tornar menos aborrecido o nosso treino ou, nalguns casos, para conseguirmos um seguimento mais específico do mesmo, comprovando até que ponto o estamos a aproveitar ou não (às vezes reinem ambas qualidades).   

Pensemos, por exemplo, que há uns anos atrás quase nenhum pulsómetro podia ser introduzido na água, razão pela qual o treino baseado em ritmos cardíacos era algo que não se podia realizar. Isso, atualmente, consegui-se superar, e podemos planificar a nossa atividade duma forma muito mais específica e não nos aborrecermos tanto. 

Vejamos alguns dos mais destacados, quer pelo seu interesse ou pelo curiosos que são. O primeiro está nesta última categoria, são uns óculos de natação com um GPS incorporado, o último grito em tecnologia para praticar natação. A ideia é introduzirmos previamente o nosso percurso na memória dos óculos e estes vão mostrando o tempo real ou se estamos a seguir ou não o percurso previamente estabelecido, mediante uma série de leds internos que modificam a sua cor se seguimos o percurso ou se, pelo contrario, nos afastamos, assinalando também se estamos muito longe do indicado inicialmente e em que zona nos desviamos. 

Evidentemente, este gadget está pensado para os amantes da natação em águas abertas. É extremamente útil já que em mar aberto, a perda de direção nos obrigará a realizar muitos mais metros que os inicialmente previstos. Um autêntico capricho de última geração…

Se gostas de nadar em águas abertas e estes óculos te escapam economicamente falando, não estaria mal se adquirisses um GPS submergível. Nunca se sabe quando nos podemos despistar, quando o mar se pode por mais bravo ou quando vamos necessitar de conhecer exatamente o lugar onde estamos. Prevenir é sempre uma boa ideia. 

Mais gadgets? Um dos mais úteis e simples são os quantificadores para natação, a transladação à água das conhecidas pulseiras de exercício que tanto se vêem nos ginásios. Basicamente é um aparato que calcula o tempo de exercício, a distância nadada e as calorias consumidas. Sem dúvida alguma um primeiro passo de grande interesse para os que se iniciam na natação. 

Existem outras variantes deste gadget que em vez de nos marcar o caminho adequado mediante luzes o fazem "falando" connosco, com pequenas frases que nos chegarão através de uns auscultadores e que nos dizem quanto nos desviámos e em que direção. Mas uma coisa é certa, se não estamos acostumados à repetição contínua de instruções pode ser um pouco incómodo.

Para os mais profissionais existem também microfones sem fios (que também incluem auscultadores), de forma que se possa realizar uma comunicação entre treinador e nadador a meio de um treino. É de grande utilidade em treinos pensados para a competição, já que permite corrigir defeitos e comentar sensações sobre a marca, sem necessidade de esperar até ao fim. 

Se a nossa meta é não nos aborrecermos, podemos recorrer a um mp3 que seja submergível. Desta forma podemos ouvir a música que mais nos goste ou, simplesmente, ouvir radio enquanto nadamos. Parece mentira, mas desta forma os treinos serão mais agradáveis, até ao ponto de que iremos com mais ânimo, e isso redundará na eficácia dos mesmos. 

Algo mais habitual

A máscara submarina sem tubo é um dos gadgets mais habituais nos últimos tempos, e aparece com certa frequência, sobretudo em praias. Mais que um gadget para natação falamos de um elemento de ócio, que nos permitirá fazer observações submarinas a pouca profundidade de uma forma muito mais simples e natural que com um tubo. 

Contudo, a sua aplicação à natação em águas abertas ou piscina pode ser de alguma utilidade, sobretudo para os novatos, já que torna desnecessário o movimento de respiração, com o qual, permite-nos concentrarmo-nos noutros aspetos técnicos. 

Como vês, atualmente existem inúmeros aparatos que tornam mais simples, preciso e entretido o nosso treino de natação. Agora só tens de escolher o que melhor se adapte a ti e lançares-te à piscina para desfrutares deste desporto.

Virgin Active
#AlwaysDiscovering

Comentários ()