Esta página web usa cookies para que possas desfrutar de uma ótima experiência de usuário e para que possamos entender como usas a web. Se consentes o uso de cookies para esta página web, continua a navegar com normalidade. Podes encontrar mais informação sobre as cookies que usamos e configurar o seu uso visitando a nossa página de configuração de cookies.

Blog

Desportos ao ar livre: correr pelo campo

Correr pelo campo

Sair para correr, praticar running, fazer footing, diga como se diga, a questão é que vestir roupa de desporto, calcar uns ténis e sair a correr é algo que está na moda. Esta modalidade desportiva é um exercício simples, completo e barato o que faz com que todas as pessoas com qualquer condição o possam praticar. Mas não está isenta de um treino adequado, assim como os sempre necessários alongamentos, tanto ao início como ao final. Muitas pessoas, seja por comodidade ou por costume, praticam esta modalidade no asfalto mas, correr no campo tem benefícios especiais, que vão desde um ambiente mais saudável até exercitar outros músculos e, inclusive, faz com que te afastes do stress, sem esquecer que estarás a realizar um dos melhores desportos ao ar livre.

Como já indicámos, o principal é não sair por aí a correr como um louco; sobretudo se não estás acostumado a fazer desporto, algo que é habitual em muitos dos que se iniciam no running. Deverás ir pouco a pouco, alternar fases de andar com outras a correr e, sempre, aquecer bem, tanto antes como ao finalizar a sessão. Pode começar-se pelos braços e seguir com o pescoço, até alongar, finalmente o tronco e as pernas. Uma vez que já preparaste o teu corpo, será o momento de começar a correr suavemente. É conveniente levar algum medidor de pulso e frequência cardíaca, sobretudo, as pessoas de idade mais avançada e, como indicámos, as pouco habituadas a realizar exercício físico.

Outro fator que por vezes não se tem em conta neste desporto é o treino. Quer corras no asfalto ou no campo, não seria demais que exercitasses também as tuas pernas e braços no ginásio ou na piscina. Assim, além de resistir mais e poder desfrutar durante mais tempo das tuas saídas, sentir-te-ás muito melhor.

Já indicámos alguns dos benefícios de correr no campo. Outro, sem dúvida, nada depreciável, é que a superfície que pisarás será mais suave que o asfalto, razão pela qual os rebotes, quando dês cada passada, serão menos agressivos para as tuas pernas e correrás menos risco de sofrer lesões como a tendinite. Além disso, ao sair para o monte, o mais normal é que tenhas de enfrentar muitas subidas e descidas, razão pela qual os teus músculos se fortalecerão mais e se habituarão a trabalhar de uma maneira mais completa. Outra vantagem, é descobrir novos e impressionantes lugares perto de casa; sítios onde podes evadir-te de tudo, onde o ruído e o tráfico sejam substituídos pelos da natureza. Só por isto, já é um motivo para correr e sentires-te parte do ambiente que te rodeia.

Mas, se correr para que te exercites tem todas as vantagens citadas e muitas mais, fazê-lo junto a outros, nas cada vez mais habituais corridas de montanha e trail, aporta-te outros fatores como o companheirismo, fazer novas amizades, conhecer novas povoações e paisagens naturais únicas e consegui-lo de uma forma especial, integrando-te neles e fazendo-te acompanhar de outros e outras pessoas apaixonadas pela natureza e pelo desporto.

Por outro lado, sempre que saias para a montanha, deves tomar certas precauções e correr, não é uma exceção. Convém levar um cantil, roupa adequada e ténis de boa qualidade, inclusive, com pitons, se vais para zonas escarpadas. O mais adequado será ter dois pares de ténis, uns para treinar, mais acolchoados; e outros para competir, que sejam mais leves. Se segues estes conselhos, as tuas saídas no campo serão um ponto não só de prazer, mas também uma necessidade na tua vida quotidiana.

Virgin Active
#AlwaysDiscovering

Comentários ()