Esta página web usa cookies para que possas desfrutar de uma ótima experiência de usuário e para que possamos entender como usas a web. Se consentes o uso de cookies para esta página web, continua a navegar com normalidade. Podes encontrar mais informação sobre as cookies que usamos e configurar o seu uso visitando a nossa página de configuração de cookies.

Blog

Aulas de grupo: o Karaté e os seus benefícios

karate

O desporto é entendido como uma atividade e representa uma condição ou fundamento não só para o desenvolvimento físico, mas também para o intelectual. Não devemos analisar o treino desde um ponto de vista biológico. Temos de compreender a repercussão da sua prática em todas as dimensões do nosso corpo e mente. A prática de desporto pode fazer-nos crescer em todos os sentidos.

Karaté: a história

O karaté nasceu como uma arte marcial que procurava a paz interior do desportista e das pessoas que o rodeavam. Ou seja, um estado de tranquilidade e paz espiritual como norma constante em cada individuo praticante.

Este desporto pode praticar-se desde a infância

Dōjō é um termo que se emprega no Japão para designar o espaço onde se ensina e se pratica artes marciais como o karaté. Este tipo de desportos estão relacionados com o crescimento e a superação pessoal. De fato, quando evoluímos e crescemos como pessoas, além de exercitar os músculos, necessitaremos exercitar também o espírito e a mente. Nas artes marciais, os princípios éticos e morais devem reger sempre o comportamento das pessoas que o praticam.

Se observamos as distintas sociedades atuais, podemos ver que doenças como a obesidade, a hipertensão arterial, a diabetes… são devidas ao sedentarismo. Realizar desporto, e em concreto karaté, é a maneira mais rápida e eficaz de acabar com estas patologias e conseguir ser pessoas completas em todos os sentidos.

O karaté oferece uma grande quantidade de benefícios. De uma maneira ou de outra, o treino continuado potencia a saúde física e mental de quem o pratica.

Pratica karaté e obtém os seguintes benefícios físicos:

  • Aumentar a capacidade cardiovascular. Desta maneira também estaremos a melhorar a circulação sanguínea. O passar do tempo faz com que os nossos vasos sanguíneos percam elasticidade e flexibilidade, o que pode causar acidentes vasculares. Como tal, fazer exercício físico ajuda-nos a atrasar o envelhecimento e o aparecimento destes sintomas.
  • Melhorar a saúde muscular. Ocorre como no ponto anterior, a partir de certas idades o nosso corpo começa a envelhecer e a sua força também de vê ressentida e diminuída. Uma vez alcançados os 50 anos é frequente começar a perder força muscular como consequência da atrofia das fibras musculares. Se por este motivo baixamos a nossa atividade física, estaremos cometendo um grave erro. É necessário realizar exercício físico para que estes sintomas não avancem.
  • Existem aulas de grupo de karaté que nos ajudam a diferenciar à primeira vista as necessidades do nosso corpo, ao mesmo tempo que interatuamos com outras pessoas que podem ter problemas idênticos.
  • Melhorar a saúde do sistema ósseo. A perda de minerais nos ossos, como consequência do envelhecimento, causa doenças como a osteoporose. Os ossos tornam-se mais porosos e frágeis. Estas características elevem de forma alarmante as fraturas em qualquer lugar do esqueleto. A prática regular de karaté reduz consideravelmente a perda de mineralização e potencia a força dos ossos. Gozaremos de ossos mais saudáveis por mais tempo.
  • Ajudar a manter um sistema nervoso sano. Quando envelhecemos a nossa capacidade de processar informação diminui. Isto faz com que sejamos mais lentos ou possuamos menos e piores reflexos. Realizar exercício físico e, em concreto, fazer karaté, pode reduzir a perda da capacidade do sistema nervoso de ativar a musculatura do corpo. Assim, recuperaremos forca e coordenação.

Até agora detalhámos os benefícios físicos, mas… quais são os psicológicos?

Benefícios psicológicos na prática de karaté

  • Controlo e disciplina do corpo através da mente. A estimulação de valores como o esforço, a constância, o respeito ou a rectitude permite-nos gozar de uma saúde mental melhor.
  • Estado de relaxamento mental. Os praticantes de karaté encontram-se de forma habitual e constante num estado de paz e harmonia, que lhes permite gerir com claridade as situações de stress e atuar da forma correta ante os distintos problemas diários.
  • Aumento de autoestima e segurança. Quando se pratica esta atividade, os desportistas acostumam-se a enfrentar e superar muitos desafios. Esta é a razão pela qual a nossa segurança aumenta consideravelmente. Aprendemos a resolver diversos problemas sem perder o controlo nem a paciência.
  • Melhoria da capacidade de concentração mental. Quando uma pessoa está concentrada é capaz de realizar as atividades diárias de uma forma mais eficiente. Graças ao treino constante e diário, podemos conseguir que as nossas neuronas funcionem melhor e mais rapidamente.

Definitivamente, o karaté, como arte marcial ou como desporto, favorece o desenvolvimento do ser humano, já que ajuda a que enfrentemos a vidas quotidiana e a desenvolvamos com equilíbrio emocional e físico. Na realidade, estaremos a dar uma demonstração de fortalecimento corporal, e mental, graças a esse treino milenar.

Karaté para crianças: uma boa opção

Quando os nossos filhos alcançam certas idades, sempre surge a pergunta: inscrevo-o para que faça desporto? E qual? São muitos os desportos que nos passam pela cabeça, mas poucas vezes pensamos no karaté.

Como já indicámos, esta arte marcial com origem em Okinawa, Japão, pode ajudar a um melhor desenvolvimento físico e psicológico dos nossos filhos.

  • Em primeiro lugar, porque aporta harmonia espiritual e física mediante um treino rigoroso.
  • Além disso, combina princípios do sintoísmo e fundamentos do budismo. Por isso exige agilidade mental e coordenação aos nossos filhos, os quais se encontram na melhor idade para assimilar todos estos benefícios.

Conclusões

Estamos totalmente equivocados. O karaté não é um desporto competitivo nem agressivo. O que se procura com este tipo de treino é a superação pessoal. Estimular as pessoas a ir mais além, e desta forma, poderem alcançar todas as metas a que se propõem. Como verás, as bases desta modalidade desportiva extrapolam-se na perfeição à vida quotidiana.

Desde logo, não nos devemos esquecer que estamos a falar de um método que nos ensina a defendermo-nos de múltiplas e variadas agressões. Desenvolve os reflexos, as habilidades físicas e a flexibilidade. Um exercício extraordinário para combater todas as patologias relacionadas com o sedentarismo. Não pensas o mesmo?

Virgin Active
#AlwaysDiscovering

Comentários ()