Esta página web usa cookies para que possas desfrutar de uma ótima experiência de usuário e para que possamos entender como usas a web. Se consentes o uso de cookies para esta página web, continua a navegar com normalidade. Podes encontrar mais informação sobre as cookies que usamos e configurar o seu uso visitando a nossa página de configuração de cookies.

Blog

5 conselhos para viajar de avião com equipamento desportivo

tacos-golf

Vais viajar de avião e queres levar o teu equipamento desportivo? Acabou-se o ter de deixar a bicicleta em casa, ou os esquis ou a prancha de surf na garagem. Chegou o momento de viver as tuas próximas férias ou essa viagem de trabalho duma forma mais intensa e prazenteira, desfrutando do teu desporto favorito. 

Toma nota, estes cinco conselhos ajudar-te-ão a evitar problemas desnecessários no aeroporto e poderás treinar como se estivesses em casa. 

Viajar com equipamento desportivo já não é um quebra-cabeças 

  1. Esvazia as rodas da tua bicicleta se vais viajar com ela para que não sofram dano ou rebentem durante o trajeto. Evita esvaziá-las completamente, caso contrário as jantes poderiam chegar ao destino em muito mau estado. O mesmo ocorre se levas são bolas de basquetebol ou de futebol. É normal que o pessoal da companhia aérea te pergunte se as esvaziaste ou inclusive te peçam para comprovar, não te deves preocupar já que é um procedimento habitual. 
  2. Protege bem o equipamento desportivo antes de chegar ao aeroporto. Caso viajes com uma bicicleta é importante que desmontes a roda dianteira, o guiador, o selim e os pedais. Guarda todo o material numa bolsa ou mala rígida e usa plástico de bolhas para o proteger. O ideal é usar a mala rígida para amortecer qualquer golpe durante o trajeto. Algumas companhias vendem ou proporcionam este tipo de embalagem. Podes consultar nas páginas web ou durante o processo de compra do bilhete. Lembra-te de meter na mala da bicicleta, além das peças, as ferramentas que usaste para a desmontar. É proibido viajar com garrafas de ar comprimido ou de gás já que são consideradas material altamente perigoso. Evita levá-las, porque é provável que te façam abrir a mala e te obriguem a deixá-las no aeroporto. Se o equipamento desportivo com que viajas é uma prancha de surf ou equipamento de golf, é muito importante que também sejam bem protegidos com uma capa. Evitarás que se estraguem. Lembra-te que todo este material viaja no porão do avião. Importante: se o equipamento desportivo precisa de algum tipo de bateria é necessário retirá-la e comunicá-lo à companhia durante a faturação das malas. Dependendo do tipo de baterias viajarão no porão ou na cabine como bagagem de mão. 
  3. Pede ao pessoal da faturação que coloque um autocolante de frágil na tua bagagem. É um detalhe muito simples mas que muda por completo o trato que a tua bagagem recebe. Quando os operários recebem as malas que têm de carregar para o porão têm muito mais cuidado com aquelas que levam um autocolante de pesado ou frágil. Podes estar tranquilo já que não tem nenhum custo indicar que é um material frágil e podes solicitá-lo diretamente no balcão de faturação. 
  4. Chega ao aeroporto com tempo suficiente para fazer o check-in. Pelas passadeiras habituais da faturação só se podem despachar malas que não excedam as medidas. Dependendo do aeroporto, às vezes os equipamentos de golf podem ser faturadas nas passadeiras. Todo o material desportivo deve ser entregue numa passadeira especial mas antes tens de aos balcões de faturação da companhia aérea para quero pessoal além de o faturar, te acompanhe ou indique em que passadeira tens de o depositar. Estas passadeiras especiais podem estar noutros andares do aeroporto por isso não é aconselhável ir muito em cima da hora. Assim evitarás situações tensas e corridas dentro do terminal. Quando chegares ao aeroporto de destino também não recolherás a bagagem nas passadeiras de bagagem normal, tens duas opções: ou se entregam em passadeiras especiais ou há uma zona indicada perto das passadeiras onde o pessoal deposita todo este tipo de material. Não te envergonhes e pergunta ao pessoal onde deves recolher a tua bagagem. 
  5. Revê as condições das companhias aéreas para transportar equipamentos desportivos. Cada uma tem os seu preços, medidas e pesos específicos para este tipo de material. Algumas permitem só 23 kg e outras 32 kg. Antes de comprares o bilhete compara os preços e as medidas. Tem atenção ao preço de cada quilo extra para evitares surpresas de última hora. Em algumas companhias, como por exemplo as que viajam para o Hawai ou América Central, incluem as pranchas de surf como parte da sua tarifa sempre que não superem os 23 kg nem os 2 metros de comprimento. Por isso, ainda que a tendência seja procurar voos com companhias low-cost é interessante dar uma vista de olhos a outras, pois é muito provável que compense. Segundo a companhia, dentro da mala do teu equipamento desportivo podes meter tudo o que quiseres desde que não ultrapasses o peso máximo, ou guardar vários equipamentos na mesma mala como por exemplo os tacos de golf e as pranchas de surf. Os preços do equipamento desportivo também dependem se os trajetos são internacionais ou europeus. Caso o teu equipamento supere as medidas permitidas contacta previamente com a companhia aérea para que esta te confirme que podes viajar com ele. Lembra-te que o espaço no porão é limitado. Algumas companhias não se responsabilizam de possíveis danos durante o trajeto. Revê a sua política para teres a certeza de que estás coberto em qualquer caso ou contrata um seguro de viajem que cubra estes riscos. 

Recorda: as companhias consideram equipamento desportivo os equipamentos de golf, esquis (incluindo as botas e os bastões), pranchas de snowboard, armas de fogo desportivas, equipamentos de mergulho (as garrafas de ar ou gás não são permitidas), canas de pesca, bicicletas, canoas, pranchas de windsurf e asas delta.

Como vês, viajar com o teu equipamento,desportivo é mais fácil do que parece, só tens de planear tudo com mais paciência. Já podes preparar a tua bicicleta, a prancha de surf ou os tacos de golf porque nas tuas próximas férias vais poder explorar o teu espírito desportivo sem gastares muito dinheiro nem paciência.

Comentários ()